Comitê da Cultura de Paz

“Nós somos o caminho” – Satish Kumar

Sandra Godoy – Palas Athena

O indiano Satish Kumar, ex-monge jainista, escritor e ativista da paz e sustentabilidade, esteve em São Paulo em março para ministrar duas palestras no Instituto Singularidades, a convite da Escola Schumacher Brasil, e para o lançamento do livro “Solo, alma e sociedade – uma nova trindade para o nosso tempo”, pela Palas Athena Editora.

Fundador do Schumacher College, um centro de educação holística no Reino Unido que se tornou referência mundial, e editor há mais de trinta anos da revista Resurgence, Satish Kumar defendeu, na palestra “Uma terra, uma humanidade, um só futuro”, que a natureza, o ser humano e a sociedade estão cada vez mais interdependentes, principalmente neste momento de profundas transformações e incertezas no cenário mundial.

Para uma platéia de mais de quinhentas pessoas, divididas em dois dias, Kumar declarou que é necessário se conectar ao solo, mesmo nas grandes cidades, criando hortas e jardins nos telhados das casas e dos prédios. “Humano vem de humus, que é solo. Somos feitos de solo, mas a sociedade se desconectou da natureza. Humus também é a raiz da palavra humildade, o que a humanidade deixou de exercitar. Tornamo-nos arrogantes”, disse.

Além da (re) conexão com a natureza, o ser humano deve se conectar consigo mesmo e com a sociedade. “A alma é a base do autoconhecimento”, afirmou, dizendo ainda que é necessário, mesmo com a vida atarefada, encontrar um tempo para meditar, ler poesia, plantar, cozinhar e caminhar. Sobre a caminhada, aliás, Satish Kumar é um especialista: ele caminhou por dois anos e meio, nos anos 1960, de Nova Delhi até Moscou, Paris, Londres e Washington, levando a mensagem de paz de Mahatma Gandhi aos líderes mundiais. E até hoje, aos 80 anos, ele caminha todo dia. “Quando você caminha, o destino não é importante. Nós somos o caminho”.

O livro “Solo, alma, sociedade – uma nova trindade para o nosso tempo”, está à venda em livrarias e na loja virtual da Palas Athena Editora (www.palasathena.org.br/editora).